Dia 27 de março: envelhecendo na cidade…

Faltam 279 dias para o ano acabar. Uma  simples pesquisa no pai dos burros moderno, o Google, traz surpreendentes revelações sobre o dia 27 de março.

É possível ficar sabendo que em 1940, durante a II Guerra Mundial, Heinrich Himmler ordena a construção do campo de concentração de Auschwitz, o maior do regime nazista. Já em 27 de março de 1941, em um golpe de Estado, oficiais da Força Aérea Iugoslava derrubam o governo pró-eixo. No Brasil, em 65, era inaugurada a Ponte Internacional da Amizade ligando a cidade de Foz do Iguaçu, Brasil e Ciudad del Este, Paraguai, passando sobre o rio Paraná. E por aí vai…

Porém,  agora de cabeça, a única coisa que me lembro vagamente para contar sobre acontecimentos históricos relativos a esta data, é que em um 27 de março de 1979, senti um puta frio e acordei na porra de um lugar com muita luz e fiquei roxa de raiva. Parecia uma berinjela. Palavras de meu pai. Tanto que só me levaram para tomar o leite sagrado dos recen-nascidos, dois dias depois, na quinta-feira, dia 29.

A pobre da mãe já estava incrédula de que tinha de fato uma menina para embalar nos braços, pois todo o parto foi difícil. Entrou no hospital dia 26 de março e foi ser mãe apenas as 21h do dia 27, depois de uma cesariana e duas trocas de plantões de médicos. Coitada!

Depois disso,  lembro que em um 27 de março de 1983 fiquei doente e só fui cortar o bolo da minha própria festa de aniversário, ( já aos quatro anos fiz figuração, nada mais justo já que nasci no Dia do Teatro) para tirar fotos com as celebridades que foram no meu aniversário e depois voltei a dormir cheia de febre. Aliás, existe uma tradição apelidada na família de tatisariana . Eu sempre fico doente perto, durante ou pós aniversário. É certo e não falha um ano. Juro que não é cisma.

Na merda de  outro 27 de março, já em 1984, a gente boa da minha mãe, a Emília encomendou para a festa um bolo de aniversário cuja a decoração foi feita com a minha personagem predileta de Monteiro Lobato,  a boneca Emília. Neste dia perdi minha inocência, deixei de gostar dela (da Emília boneca não da Emília mãe), porque estava cheia de fios de ovo.

Mas como sou camarada abri uma concepção e comi os pés dela, (a única coisa que não cheirava a ovo no bolo). Assim , descobri os desprezares da vida aos cinco anos de idade e que odiava fios de ovos. Também a primeira defesa das minhas opiniões e do respeito aos meus direitos foi feito naquela festa,  já que mamãe queria dá justamente os pés da boneca para a vizinha levar no pote para casa. Nascia assim aos pés de Monteiro Lobato uma ninfeta metida a revolucionária.

Descobri coisas que não imaginava na pesquisa sobre o dia 27. Por exemplo, que hoje no dia 27 de março , no Brasil, se comemora o dia do Teatro e o Dia do Circo (não é a toa que sou uma palhaça!). Também não é à toa que eu pedia par ao meu pai me matricular na escola de circo! Como namorei aquela lona-escola na Praça da Bandeira.

Descobri ainda que foi em um dia 27 de março  de 1989 – quando eu tinha dez anos – que em um domingo como esse, que a Rede Globo colocou no ar o Domingão do Faustão, com Fausto Silva, em uma tentativa de vencer Sílvio Santos nas tardes de domingo. (PUTA QUE PARIU! AGORA entendi porque fico melancólica quando meus aniversários caem no domingo. DETESTO! Nunca sei se comemoro ou não saio da cama!)

Já em 27 de março, só que do ano de 1994 (é tem que pular se não a gente não sai daqui) fui comemorar o meu aniversario. Bem, na verdade, fui comemorar o aniversário de um tal Renato Russo, lá na casa dele na Gávea, junto com o fã-clube. O cara foi com a minha cara e me convidou para ficar no estúdio e comemoramos nossos aniversários juntos (a galera do fã-clube contou por bilhete avisou a ele sobre a coincidência). Foi a primeira vez que cheguei tão tarde em casa, com permissão de mamãe a pedido de Renato. Foi o melhor presente de 15 anos! A festa na boate foi brinde.

Agora, descobrir que foi em 1998, que os EUA aprovaram o remédio Viagra, que ajuda a combater a impotência sexual masculina, foi maneiro. Gente, fala sério, os caras garantiram meu sexo quando tiver uns 60, 70, 80 anos. Afinal, sexo a dois é melhor né, gente! Vamos combinar!

Descobri, por exemplo, que se você não quer ter um filho ou filha que seja político,  ator, atriz, poeta ou poetisa, escritor, cantor, cantora, cineasta, modelo, jogador de futebol, músico, filósofo, e principalmente, jornalista, não tenha o rebento nesse dia. Acasala em outra semana. Olha o calendário. Porque se ele nascer em 27 de março, ele vai dá um puta trabalho.  Como você pode concluir. Enfim, quem avisa amigo é.

E no dia 27 março de 2011, (eu falei que ia pular alguns anos), daqui há algumas horas em bar no subúrbio do Rio, sem alardes – como geralmente faço – e sem muitas badalações, vou comemorar com namorado, os amigos que ligarem ou enviarem e-mail (pois não vou enviar convite) e a família, um novo ciclo de vida mais um de tantos que já vivi e de tanto que vou viver.

É um ano que promete. É o meu primeiro ano como jornalista formada. É o primeiro ano de muitas mudanças depois disso. Não é o primeiro ano de desafios, mas será um ano de aprendizado na marra já senti e de muitos obstáculos. O mapa astral só ratificou. E daí, vamos a luta!

P.S: Afinal, dentre tantos fatos históricos realmente importantes, para os pequenos grupos de pessoas que se amam, hoje é o aniversário de mais um DA SILVA como eu, que resolveu escrever uma história diferente como tantos outros que nasceram neste dia ou em tantos outros dias do ano e que, podem ter sobrenomes diversos: Oliveira, Ferreira, Pinto, Cruz, Rocha, Souza, Santos…

Texto escrito por Tatiana Lima, assumidamente completando hoje 32 anos de idade(Ui), que descobriu querer ser jornalista quando assistia tv e viu um fato histórico mudar a história do mundo: a queda do Muro de Berlim.(Mas isso eu já contei)

* Escrito ao som de El cuarto de Tula, Veinte años, Chan Chan e El Carretero do grupo cubano Buena Vista Social Club.

Anúncios

Sobre Conversa no Banheiro

Uma jornalista fora do perfil. Repórter por essência.
Esse post foi publicado em comportamento, Cotidiano, Literatura. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Dia 27 de março: envelhecendo na cidade…

  1. Gildney disse:

    Detestei o que acabei de ler, procurava algo extraordinário que poderia ter acontecido no dia em que nasci dia 27/03/1979, e encontrei essa merda toda escrita.
    aliás o 7 me persegue, meu nome é Gildney com 7 letras com meu sobrenome da 27, nasci às 7 horas na sala 7 e muitas outras coincidências, hoje li esse texto de T.A.T.I.A.N.A depois dessa vou tomar uma C.E.R.V.E.J.A.

    • Fiquei afastada do Blog por muito tempo. Mas cada um recebe cada coisa do mundo como escolhe. Forma e uso….coisas diferentes, mas que parecem ser iguais. Racionalmente, nós sabemos que é diferente. Porém, na hora de usar…É aí, que o buraco é mais embaixo como dizem na minha família. Sou estudante de inglês e esotu nesta fase de ter que aprender que uso e forma são coisas diferentes. Já havia lido há algum tempo esse comentario, mas como tinha largado o blog de lado (coitado) não entrei nem parA publicar. Gildney, quero dizer-te que esse blog não é para as pessoas ele é, sobretudo, para mim. Que pena que você não gostou do texto e que se sentiu frustado porque esperava uma coisa sensacional e não encontrou. Lamento! Mas escrevi par ame divertir, como uma criança boba com sentimentos confusos entre alegria e um novo rumo que ainda não sabe qual. Mas agradeço muito o seu comentário porque você diviu uma coisa comigo, nunca reparei que tem pessoas que tem cismam com certas coisas como você aí com essa tal numerologia. Mas o ser humano é assim, se cada um se agarra a coisas. E Eu, me agarrei a essa historia boba que não tem nada demais para qualquer um que não seja eu mesma. Mas faz assim, escreve uma historia sensacional sobre o dia do seu nascimento. Afinal, por que você precisa esperar que alguém escreva isso para você! 🙂 Beijocas e Fique em Paz. Volte Sempre, obrigado e desculpa pela demora na resposta do post

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s